skip to Main Content

Operação Sossego aborda mais de três mil pessoas em apenas um fim de semana em Itabuna

Operação Sossego Aborda Mais De Três Mil Pessoas Em Apenas Um Fim De Semana Em Itabuna

Pelo menos 25 profissionais de segurança e demais técnicos de quatro secretarias municipais da Prefeitura de Itabuna trabalharam intensamente no fim de semana para coibir a poluição sonora provocada por som de paredões. A Operação Sossego, que começou a partir das 21 horas de sexta-feira até domingo, abordou mais de três mil pessoas participantes de eventos com sol alto em 20 bairros da cidade.

De acordo com o Gerente de Poluição Sonora da Secretaria de Segurança e Ordem Pública (SESOP), Péricles Nascif Souza Filho, que liderou a equipe ao lado do coordenador Silvio Roberto Santos Araújo, apesar do grande número de ocorrências, algumas por meio de denúncia anônima, houve apenas a apreensão de dois aparelhos sonoros com som alto nos bairros Pedro Jerônimo e Santa Inês.

Nascif explicou que as inspeções nos fins de semana são realizadas em bares, restaurantes, domicílios particulares e em áreas públicas onde há abuso de som alto. Donos de veículos com equipamentos sonoros potentes com volume aberto podem ter seus aparelhos sonoros e o próprio veículos apreendidos e ainda sofrer sanções com multas, responder processos administrativos junto ao Ministério Público estadual e serem enquadrados no Termo de Ajuste de Conduta (TAC).

A Operação Sossego é executada pela SESOP com a participação das secretarias municipais de Transportes e Trânsito (SETTRAN) e de Agricultura e Meio Ambiente (SEAGRIMA), dos profissionais da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) e Grupo Ostensivo de Proteção Ambiental (GOPA) da Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Militar e ainda do Ministério Público estadual.

“Esse apoio de importantes órgãos de defesa da sociedade itabunense é fundamental para a execução de nosso trabalho para garantir a ordem pública e o direito ao silêncio noturno em Itabuna como também pela a segurança pessoal das equipes envolvidas”, ressaltou Péricles Nascif.

O titular da SESOP, Humberto Mattos, assegura que a Prefeitura de Itabuna não tem intenção de proibir o uso de paredões desde que se atendam as exigências da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) de não ultrapassar 55 decibéis (Db) durante o dia e de 50 Db no período noturno.

Ele afirmou que a Operação Sossego tem garantido a paz e a tranquilidade em atenção aos apelos da população quando se sente incomodada com a poluição sonora e para o cumprimento da lei. O titular da SESOP lembrou que a comunidade pode colaborar com a Operação Sossego por meio de denúncias diretamente para a SESOP 98122-5796 e ainda para 190 (CICOM) e 153 (GCM).

Legenda: Forças de segurança atuam conjutamente com Prefeitura de Itabuna na Operação Sossego – Fotos Ascom.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top

Send this to a friend