skip to Main Content

ASSIM ERA MINHA CIDADE – NA LENTE DE JOSÉ NAZAL

ASSIM ERA MINHA CIDADE – NA LENTE DE JOSÉ NAZAL

Praça Firmino Amara, registrada em meados da década de 20 do século passado.

À direita o prédio pertencente a Misael Tavares, onde funcionou por muitos anos a Pensão Vasco, de dona Carmem e Pedro (Corró) Duarte, pais de Emo e Juraci Duarte; no térreo, escritórios, lojas e bares. Hoje é o estacionamento do Banco do Brasil.

Ainda à direita o prédio do escritório de Hugo Kauffman e em seguido o então armazém 1 do porto de Ilhéus.

À esquerda o prédio de Virgílio Calazans Amorim, onde funcionou por muitas décadas, a Casa Brasil. Nota-se na foto o terreno ainda vazio onde em 1930 foi inaugurado o “Ilhéos Hotel”.

Não ouso emitir comentários para a foto atual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top

Send this to a friend