skip to Main Content

ACM Neto diz que vai construir hospital regional no Extremo Sul e critica governo do PT: “Prometeram durante 16 anos e até hoje não fizeram nada”

ACM Neto Diz Que Vai Construir Hospital Regional No Extremo Sul E Critica Governo Do PT: “Prometeram Durante 16 Anos E Até Hoje Não Fizeram Nada”

Pré-candidato visitou a cidade de Ibirapuã e o distrito de Itabatã nesta sexta-feira; agenda segue em Eunápolis

O pré-candidato a governador ACM Neto (União Brasil) afirmou que vai construir um hospital regional na região do Extremo-Sul baiano caso seja eleito no pleito deste ano. Nesta sexta-feira (1°), Neto visitou a cidade de Ibirapuã e o distrito de Itabatã, no município de Mucuri.

“Já passou da hora do Extremo Sul ter um hospital regional que possa atender com dignidade a todas as cidades aqui da região. Eles prometeram durante 16 anos e até hoje nada. Mas quem quer voltar a sonhar com um hospital regional vai vir conosco nessa luta até outubro”, enfatizou.

“Está na hora da gente voltar a sonhar com um estado que respeite a saúde pública, e aqui no Extremo Sul nós temos um problema muito sério, que aliás é um problema que se repete em toda a Bahia, em relação ao acesso aos hospitais públicos, ao acesso aos tratamentos médicos”, salientou o pré-candidato durante evento político.

Neto ressaltou ainda que a falta de uma estrutura ampla de atendimento da saúde pública faz com que muitas pessoas percam a vida enquanto esperam atendimento na fila da regulação.

“Quem precisa do hospital público, do médico da rede pública, são as pessoas mais pobres, que não têm dinheiro para pagar um plano de saúde, que não têm dinheiro para pagar um médico particular. E hoje, o que acontece aqui no Extremo Sul é que as pessoas são obrigadas a esperar na fila da regulação”, criticou o ex-prefeito de Salvador.

ACM Neto relembrou a época em que, como prefeito da capital baiana, precisou reestruturar todo o atendimento na cidade para cuidar da população do interior que buscou atendimento em Salvador durante o pico da pandemia causada pelo coronavírus.

“Eu vi o que ocorreu no ano passado e no ano retrasado, quando a Covid estava matando muita gente. Eu era prefeito de Salvador, recebi lá muitos pacientes do Extremo Sul porque não haviam leitos de UTI aqui na região para internar as pessoas”, afirmou.

O pré-candidato ao Governo da Bahia pelo União Brasil também falou sobre os anos em que esteve na gestão de Salvador. Neto enfatizou que nos oito anos de dedicação à Prefeitura, pôde demonstrar sua capacidade de realização e de cuidado com toda a população.

“O resultado do meu trabalho está lá em Salvador. Eu fui testado durante oito anos e mostrei como é que se governa, como se trabalha. Mostrei como é possível transformar o sonho de milhares de pessoas em realidade. Mostrei que a nossa terra pode ser a primeira do país”, disse.

“E se eu tiver a oportunidade de governar a Bahia no próximo ano, eu vou me dedicar, vou ser um governador com compromisso de cuidar da vida das pessoas e do futuro do nosso estado. Se Deus me permitir chegar lá, eu não vou me contentar com nada menos que ser o melhor governador de todo o Brasil”, acrescentou Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top

Send this to a friend