skip to Main Content

A SEXTA-FEIRA SANTA ANTES –

A SEXTA-FEIRA SANTA ANTES –

Neste momento, aqui refletindo, lembro-me, da minha Sexta-Feira Santa, dia em que o Filho de Deus, foi repudiado por seu próprio povo; atraído, traído, humilhado, torturado e pregado na cruz, através de grandes “cravos” nas mãos, no “dorço” dos pés, joelhos, e flechado, depois na cruz. Com sua mãe, Maria, pedindo clemência no pé da mesma! Lembro que, neste dia, acordávamos, eu e meus irmãos, e dávamos e tomávamos a benção, ajoelhados, diante de nossos pais e padrinhos. Guardávamos de quarta-feira ao final da sexta-feira! Antes nossos pais, nós advertiámos, “não façam coisas erradas” e falava o porquê; respeito e sentimentos a passagem e morte do Nosso Senhor Jesus Cristo; o Filho de Deus, que ELE, enviou ao mundo para nos salvar. Quem não cumprisse essa ordem, vinha o Sábado da Aleluia, dia de queima do traidor de JESUS; “judas”, e dia de punição a nós; aqueles que não obedeceram as ordens dos pais. Qualquer nome feio, xingamento, não podia de jeito nenhum. Todos concentrados, pedindo perdão a Deus.
Hoje são outros tempos, até parece que todos caminham errados, se esquecendo até mesmo, que neste dia, foi o dia que torturaram e mataram JESUS! Mas ELE, provando aos judeus e fariseus, que realmente era o Filho de Deus, nosso Pai do Altíssimo, no terceiro dia, em alto estilo, subiu aos céus e ganhou o infinito! Mesmo assim, ainda retornou, e se fez presente aos seus discípulos, que deixou a Sua mensagem de que um dia ELE, voltaria novamente, aqui na terra. Portanto, se prepare e obedeça as suas leis.
“PAI, perdoe-os, eles não sabem o que fazem”, disse JESUS em seu sofrimento na cruz.
Feliz Páscoa!

Joselito dos Reis
15.04.2022.

Foto:divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top

Send this to a friend